Início » Portal Blue Farm » AgroBrasília 2022 chega ao fim com movimentação de R$ 4,6 bilhões em negócios

AgroBrasília 2022 chega ao fim com movimentação de R$ 4,6 bilhões em negócios

Mais de 500 expositores participaram do evento, que teve público de aproximadamente 135 mil pessoas

Após cinco dias de programação, a AgroBrasília 2022 chegou ao fim neste sábado (21), com recorde de público e de movimentação financeira. Segundo os organizadores, foram registrados R$ 4,6 bilhões em negócios. Além disso, 520 expositores participaram da feira, que teve público de aproximadamente 135 mil pessoas.

Para Ronaldo Triacca, presidente da AgroBrasília, os números dão a certeza de que a feira está entre as mais importantes do agro brasileiro. “As avaliações de expositores e público, em geral, foram altamente positivas. Ela encanta a todos pelo grande porte, pela excelente organização e tratamento diferenciado a expositores e público em geral, e pela diversidade de tecnologias agropecuárias, pois é o espelho da pujante região do Planalto Central”, disse.

Após quase três anos sem uma edição presencial, nem mesmo o frio, que bateu recorde no Distrito Federal durante os dias do evento, foi capaz de espantar o público. Na quinta-feira (19) — terceiro dia da AgroBrasília — , o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) registrou temperatura mínima de 1,4 °C no Distrito Federal, índice mais baixo desde o início das medições, em 1963.

Novidades da AgroBrasília

A feira atraiu produtores rurais, empresários, estudantes e a população em geral aqui para a região do PA-DF, que fica localizada a cerca de 40 quilômetros da zona central de Brasília. O produtor de grãos Ademar Sagae, por exemplo, veio de Paracatu (MG) para conferir as novidades do setor. “Eu vim aqui conhecer um pouco mais sobre a piscicultura e o armazenamento de grãos. E fiquei sabendo que hoje nós temos silos com até 15 mil sacas, silos ventilados em que você pode colocar soja e milho com teor de umidade de até 17%. Isso era uma coisa que eu não sabia e me interessei muito”, contou

Sementes e outros insumos, máquinas, implementos, veículos, genética vegetal e animal, soluções de geração de energia foram alguns dos atrativos disponíveis na feira, para produtores de todos os portes e segmentos. Na programação técnica, houve fóruns e painéis sobre bioinsumos, uso e conservação do solo, produção de uvas e vinhos no Cerrado, atuação das mulheres no agronegócio, entre outros.

Autoridades

A AgroBrasília também contou com a presença de autoridades nacionais e locais, como a ex-ministra Damares Alves, o ex-governador do DF, Rodrigo Rollemberg (PSB) e o deputado distrital Cláudio Abrantes (PSD). O governador do DF, Ibaneis Rocha (MDB), também prestigiou o evento, acompanhado pela deputada federal Flávia Arruda (PL-DF) e pelo presidente do BRB, Paulo Henrique Bezerra.

Em coletiva de imprensa, o chefe do Executivo local destacou a satisfação de ver a força da feira na retomada dos negócios pós-pandemia do novo coronavírus. “É uma grata satisfação ver a retomada da AgroBrasília esse ano. Neste pós-pandemia, vermos a quantidade de visitantes e de expositores, nos alegra muito. Além disso, o presidente da Feira me contou que a expectativa de vendas é acima de R$3 bilhões, o que coloca a AgroBrasília entre as principais feiras do agronegócio do Brasil”, destacou o governador.

Para o deputado Cláudio Abrantes, o crescimento da feira demonstra a força do agronegócio e dos produtores rurais do DF, que têm investido cada vez mais em tecnologia e obtido excelentes resultados em produtividade. “A AgroBrasília é um patrimônio do Distrito Federal. Mesmo quem não é do agro, quem não tem uma relação com o agro, entender a dimensão desta feira — uma das maiores do país — é motivo de orgulho para o Distrito Federal e, obviamente, gera emprego, gera renda, gera riqueza. E é isso tem muito a ver com o agronegócio”.

Fonte: Canal Rural