Início » Portal Blue Farm » Safra de soja do Brasil será menor

Safra de soja do Brasil será menor

Soja: alta chega a R$ 3,00

Difícil que os ganhos de produção no Norte do Brasil sejam capazes de compensar a quebra no Sul

A estimativa de produção de soja no Brasil foi reduzida em 10 milhões de toneladas pela AgResource Brasil, filial da empresa norte-americana AgResource Company. Projetada em novembro para 141,03 milhões de toneladas, agora a Consultoria prevê que os sojicultores brasileiros 131,04 milhões de toneladas, uma queda de 7,08%.

O recuo expressivo na produção da oleaginosa, explica a AgResource Brasil, leva em conta a “forte seca que atinge os estados do Sul do Brasil e áreas de Mato Grosso do Sul. Com isso, o Brasil não deverá superar o recorde da safra anterior”. A estimativa também é menor que as 142,7 milhões de toneladas estimadas pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e as 144 milhões de toneladas projetadas pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA).

“Ao contrário do que temos ouvido no mercado, achamos difícil que os ganhos de produção no Norte do Brasil sejam capazes de compensar a quebra no Sul do país. Estamos preocupados a oferta latino-americana porque temos também a Argentina e o Paraguai com problemas climáticos. Aqui no Brasil, nosso receio é esta seca se estender para a segunda safra do milho”, diz o diretor da AgResource Brasil, Raphael Mandarino.

Mandarino explica que a redução da safra de soja para 131 milhões de toneladas deverá apertar o quadro de oferta e demanda no Brasil, com necessidade de redução das exportações e racionamento do consumo. “Com isso, a relação estoque/uso da oleaginosa no país tende a cair para 2% a 3%, a menor pelo menos dos últimos cinco anos.”

Nos dias 11 e 12, a Conab o USDA irão divulgar nova atualização de safra, mas a AgResource acredita que estas entidades serão mais conservadoras nos cortes de produção, como normalmente acontece.

MILHO

Milho

Milharal – Foto: Elo7

Para a produção de milho, a AgResource Brasil manteve a estimativa do mês passado, de 110,66 milhões de toneladas para a safra total, sendo 23,75 milhões de toneladas da safra verão, 85,13 milhões de toneladas da segunda safra e 1,7 milhão de toneladas da terceira safra, com possibilidade de redução em breve se as precipitações continuarem abaixo do normal no Sul, aprofundando a seca e mantendo a reserva de água no solo baixa.

Fonte: Agrolink

Leia também:

Soja: Alta de R$ 3,00 na Saca da Soja no RS e SC. Previsão de perdas chega em até 30%.

Carta Grãos – Safra 2021/22: fim da colheita nos EUA e situação da semeadura no Brasil

Marcações: