Início » Portal Blue Farm » Liderar a nova economia verde

Liderar a nova economia verde

Economia Verde

Foto: Economia Verde – Foto: noomis CIAB FEBRABAN

Liderar a nova economia verde

O mundo está passando por um momento de dificuldades pós-pandemia. O Brasil e vários países sentem as suas consequências, com inflação nos preços dos alimentos e da energia. Além disso, o desbalanço na cadeia logística mundial gera aumentos nos custos de importação e exportação, com problemas de abastecimento de produtos-chave.

Apesar desse cenário, o nosso agronegócio deve bater recorde de exportação nas principais proteínas animais. Se somarmos aves, bovinos e suínos, devemos exportar mais de 7,5 milhões de toneladas neste ano. Em relação a 2020, o setor de aves deve exportar 4,5 milhões de toneladas (+8%) e o de suínos deve ultrapassar 1,1 milhão de toneladas (+45%).

Na carne bovina, vínhamos com um crescimento nas exportações de 2% até setembro, quando tivemos dois casos de encefalopatia espongiforme bovina (EEB) de origem atípica, que paralisaram o comércio com a China.

Proteína Animal

O nosso agronegócio deve bater recorde de exportação nas principais proteínas animais – Foto: Agroceres Multimix

Porém, esse sucesso nas exportações não reflete a realidade dos produtores. Com grande queda na produção, o preço do milho teve um forte aumento, enquanto a desvalorização do real e os custos logísticos internacionais pressionaram os valores de importantes matérias-primas importadas. As margens de comercialização se deterioraram. Atualmente, os suinocultores e os confinadores de boi operam no vermelho, sem contar outras atividades em dificuldades econômicas, como ovo e leite.

Apesar desse cenário, acreditamos no futuro promissor do nosso setor de proteína animal. A previsão climática para a safra 2021/22 está favorável, e, se tudo continuar assim, dado o aumento de área previsto, poderemos ter recordes na produção de milho, soja e outras importantes culturas. Isso deverá arrefecer os custos das carnes.

No médio e nos longos prazos, o Brasil caminha para liderar a nova economia verde. Somos o país com a maior biodiversidade do Planeta e a maior área de preservação ambiental. São 282 milhões de hectares de matas nativas preservadas nas propriedades rurais. Robusto, o nosso Código Florestal faz do nosso produtor rural o mais conservacionista do Planeta. Precisamos ter orgulho do que fazemos, unir forças e mostrar ao mundo que produzir com sustentabilidade sempre fez e sempre fará parte da nossa história.

Fonte: Agroceres Multimix

Deixe um comentário